West London Tales

 

 

The West End is the main commercial and entertainment centre of the city of London. It is the largest central business district in the United Kingdom comparable to Mid-Town Manhattan in New York City, the Shibuya district in Tokyo or the 8th arrondissement in Paris.

It currently (2015) ranks as the most expensive location in the world in which to rent office space, beating Tokyo since December 2013.

 

But buskers, begging and poverty are also abundant on the streets of West London. The meagre income of these street performers and beggars clashes with prices of goods in window shops and rents paid by the major brands to sell their products in the area - yearly rents in excess of £25 Million are common.

 

This is the most expensive commercial neighbourhood in the world; poor, underprivileged citizens populate the area trying to make a living from a few coins tourists throw at them, riding rickshaws, drawing on the floor. If there is a place where extreme wealth clashes with extreme poverty this is it. In one instant you can see a Hollywood star walking down the same footpath a busker uses to play guitar for money.

 

John has written several times to Westminster Council and they have never seem to be bothered with the play unfolding on the streets of West London. They ignore poverty at their footstep – they believe they live in a different Britain.

 

Series with 36 photographs and text.

 

 

O West End é a principal zona comercial e de entretenimento da cidade de Londres. É o maior distrito central de negócios no Reino Unido, comparável ao Mid-Town Manhattan, em Nova York, ao distrito de Shibuya, em Tóquio ou ao 8º arrondissement, em Paris.

Atualmente (2015) é localização mais cara do mundo para alugar espaço para atividade comercial, escritório ou lojas,  batendo sucessivamente Tokyo desde dezembro de 2013.

 

Contudo, artistas de rua, mendicidade e pobreza também são abundantes nas ruas de West London. O parco rendimento destes artistas de rua e destes mendigos choca com os preços dos bens colocados nas vitrines da zona e com as rendas pagas pelas grandes marcas para vender os seus produtos na área - rendas anuais de mais de 25 milhões de Libras Esterlinas são comuns.

 

Este é o bairro comercial mais caro do mundo; pobres são comuns na área; tentam combater a pobreza extrema com as moedas que os turistas lhes vão atirando, guiando rickshaws, desenhando no chão. Se há um lugar no planeta onde riqueza e pobreza extrema se tocam é aqui. É fácil  cruzamo-nos com Arnold Schwarzenegger  e com a sua comitiva de guarda-costas no mesmo passeio em que um busker toca guitarra e pede esmola.

 

John tem escrito várias vezes à Câmara Municipal de Westminster alertando-os para o que eles já sabem, pedindo ação para melhorar a vida destes cidadãos. Respostas evasivas, silêncios, nada mais se tem conseguido. Aparentemente, esta não é a sua Grã-Bretanha, aquela em que julgam viver é certamente outra.

 

Serie com 36 fotografias e texto.

 

Back to Series

 

© 1996/2018 John Gallo - All rights reserved